A depilação já faz parte dos cuidados e da rotina de beleza de muitas pessoas, não só das mulheres, mas cada vez mais está presente também entre os costumes masculinos. A extinção dos pelos em determinadas partes do corpo acabou se tornando símbolo de higiene e dedicação principalmente no lado ocidental do planeta. O que era moda, acabou se tornando uma espécie de “obrigação”  e hoje em dia existem várias técnicas para retirar os pelos do corpo. Umas mais eficazes e duradouras como a depilação definitiva e outras nem tanto assim. O ideal é escolher uma que não agrida a pele e que alcance os resultados esperados.

Depilação Definitiva
Depilação Definitiva

Entre os tipos de depilação mais utilizados, está a depilação definitiva. O resultado final dessa técnica pode exterminar o crescimento de até 80% dos pelos.

Apesar de parecer definitivo, na verdade não é. As sessões devem ser feitas a cada 30 a 40 dias, em média. O tempo para que os pelos diminuíam consideravelmente pode variar de pessoa para pessoa e da região do corpo a ser depilada.

Regiões como virilha e axilas tem pelos mais espessos e escuros respondem bem ao processo da depilação definitiva, mas as sessões devem ser realizadas várias vezes.

Outra coisa que é importante saber é que existem uma manutenção após a sessão final. Mesmo com o “fim dos pelos”, é preciso cuidar, a cada cinco, seis meses de uma manutenção na pele.

Prós e contras da depilação definitiva

Apesar de eficaz, é importante escolher com cuidado a clínica ou centro de estética antes de iniciar suas sessões. Mesmo sendo um procedimento simples, podem ocorrer o aparecimento de manchas e até mesmo pequenas queimaduras na pele.

Antes das sessões, é utilizado um anestésico tópico trinta minutos do início do procedimento. A aplicação do anestésico passou a ser utilizada por causa do incomodo causado pelo laser: uma espécie de queimação e ardência, da mesma forma que ocorre desconforto com depilações com cera quente.

Após o procedimento, é normal que a pele fique avermelhada, mas isso passa em dois ou três dias. A sensação de irritação passa com a aplicação de água termal e cremes a base de corticóides.

Durante as sessões, é importante não se expor ao sol e também de duas até quatro semanas depois do termino do procedimento. A pele fica fragilizada e sensível; com isso fica vulnerável a ação dos raios solares. Para exposições pequenas ao sol, é importante utilizar bloqueadores solares.


Depilação Definitiva doí?

A depilação a laser causa uma certa ardência no local da aplicação. Entretanto, a dor no momento da sessão costuma ser menos aguda que a da depilação com cera quente.

Claro que isso ai depender da sua sensibilidade à dor no momento da aplicação.


Quem não pode fazer depilação definitiva?

Esse método de depilação não é recomendado para pessoas que tenha feito bronzeamento artificial ou que tenham a pele negra. Isso porque o pigmento da pele aumenta a absorção do laser, que pode danificar a pele, causando manchas e em alguns casos mais sérios, reações sérias na pele.


Quantas seções de de depilação definitiva são necessárias?

Em geral, o número de seções necessário para se livrar da maioria dos pelos varia entre 3 e 10 seções. Tudo vai depender da resposta individual de cada um à seção. Em geral, quanto mais escura a pele, mais seções serão necessárias.

Em geral, os efeitos da depilação definitiva podem durar até 6 meses, por isso, recomenda-se fazer seções a cada mês ou a cada 3 meses para manter os efeitos da depilação.


Quanto tempo dura a depilação definitiva?

O tempo de duração da depilação a laser varia entre 2 a 6 meses. Nesse período, a depilação a laser bloqueia o crescimento de até 90% dos pelos. O tempo de duração, entretanto varia de pessoa para pessoa.

Para prolongar os efeitos, são recomendadas seções de manutenção mensalmente.


Vantagens e Desvantagens

Entre as vantagens de realizar uma depilação definitiva podemos citar:

  • Economia de Tempo e Dinheiro;
  • Você fica livre dos pelos por muito tempo;
  • Pele mais lisa e macia;
  • Se livra dos pelos de maneira indolor;
  • Elimina os pelos sem danificar a pele;
  • Você se depila com um equipamento adequado às suas características.

No caso das desvantagens, não pode-se citar uma específica, pois elas podem ser identificadas pelas pessoas que realizam algum tipo de depilação definitiva.


Tipos de Depilação Definitiva

Existem diferentes formas de acabar com os pelos de forma definitiva, saiba quais são elas:

Depilação a Laser

A depilação a laser funciona, sendo utilizado na sessão uma luz que absorve o pigmento marrom dos pelos, gera calor e queima os nossos folículos.

O resultado das sessões irá variar de pessoa para pessoa por conta de alguns fatores, como o tipo e tom da pele e também a cor do pelo. Por exemplo, as pessoas com tom de pele claro e pelos escuros, normalmente possuem melhores resultados, pois a luz geralmente é absorvida diretamente nos pelos. No caso de pessoas com a pele mais escura, é importante tomar maior cuidado.

Depilação a Laser
Depilação a Laser

FotoDepilação (Luz Pulsada)

Para remoção dos pelos de forma definitiva, além do laser existe também a Fotodepilação. A fotodepilação é feita com aparelhos de luz pulsada, se formos comparar, depilação a laser apresenta bons resultados, sendo possível realizar um menor número de sessões.

A fotodepilação por meio de um equipamento que emite a chamada Luz Intensa Pulsada. Ela “destrói” as células germinativas do pelo, o que faz com que ele só volte a nascer quando essas células se regenerarem, o que pode demorar meses ou anos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui